set
22
2014

Johnny Depp é o produtor executivo de um documentário sobre a vida da líder Comanche LaDonna Harris, um dos nativos americanos politicamente mais influentes nas Américas.

O documentário de uma hora irá ao ar nos Estados Unidos pela televisão, no dia 01 de novembro, e está prestes a ser exibido no San Diego Film Festival. Todos devem se lembrar que LaDonna é “mãe adotiva” de Johnny, que em cerimônia especial em 16/05/2012, foi adotado como membro honorário da Nação Comanche, recebendo o nome de Mah Woo May.

001397

A Comanche Julianna Brannum é a diretora e produtora do filme, “LaDonna Harris: 101 índios”, que conta a história da influente líder política nativa americana, que ajudou a transformar a condição dos nativos em seu país, conseguindo, entre outras coisas, convencer a administração Nixon a devolver a Terra Sagrada para os índios Taos Pueblo, no Novo México, fundou e dirige a Americans for Indian Opportunity, criada em 1970 e foi candidata a vice-presidente em 1980.

LaDonna cresceu em uma fazenda em Oklahoma durante a Grande Depressão, não pode estudar em uma faculdade, mas estudou e aprendeu com seu marido, que se tornaria o Senador Fred Harris, e também exerceu atividades públicas.

Conhecida por sua luta pelos direitos civis, conseguiu a devolução de terras aos índios Taos Pueblo, a tribos nativas do Alasca e o reconhecimento federal da Tribo Menominee. Seus esforços pioneiros se iniciaram quando foi selecionada pelo presidente Lyndon B. Johnson para colocar em prática um curso de educação destinado ao legislativo, chamado carinhosamente de “101 índios”, com vistas a esclarecer aos membros do Congresso e outros órgãos federais sobre as Nações Indígenas e sua relação com o país.

Via @JDZone

Leia aqui o artigo original e completo da Native Max Magazine

set
19
2014

Veja Johnny Depp fazendo um solo choroso em “Mother” de Danzig com Ryan Adams

O ator também tocou a original “Kim” de Adams como parte do “bis” da noite.

Johnny Depp recebeu um empolgante coro de “Johnny! Johnny! Johnny!” na última quinta-feira depois de fazer uma aparição surpresa no concerto de Ryan Adams em Londres onde eles tocaram “Mother”, de Danzig, como música “bis”.

No O2 Shepherd’s Bush Empire, local com uma capacidade para 2.000 pessoas, o ator usou o seu costumeiro chapéu de abas largas para a ocasião e optou por tocar sua própria guitarra chorosa, no estilo blues, ao invés do “pirotécnico” solo original. Depp também ficou por perto para fechar o show, tocando guitarra na canção de amor não correspondido, “Kim”, do recém-lançado álbum de Ryam Adams.

RALondres103

Depp tem estado particularmente ocupado no reino musical nos últimos anos. No início deste mês, ele esteve em um vídeo de uma “jam” de blues de meia hora com Paul McCartney. Um mês antes disso, ele sentou-se com Elvis Costello para tocar guitarra na música “Kansas City” durante as sessões de “Lost on the River: The New Basement Tapes”, uma coleção de letras inéditas que Bob Dylan escreveu ao fazer seu lendário “Basement Tapes”. E em Junho, Depp se juntou ao Aerosmith nos palcos para tocar outro solo de blues no seu cover de “Train Kept-a-Rollin”.

Ao longo dos últimos anos, Depp se juntou a Willie Nelson, the Black Keys, Alice Cooper e Marilyn Manson para tocar guitarra.

Adams também tem estado ocupado ultimamente. Além de trabalhar em seu novo álbum, o cantor e compositor produziu sessões para a “Fall Out Boy” e “Jenny Lewis”. Ele também esteve colaborando com alguns atores, outros além de Depp, elaborando “Mistress of the Dark”, Elvira, para o seu vídeo “Gimme Something Good” e os comediantes Garry Shandling e Jeff Garlin em vídeos promocionais.


Fonte:
Rolling Stone

Thanks apaula88 do forum DeppLovers pela tradução

ago
1
2014

Com este comentário de Suzanne Allison Photography, ficamos sabendo que realmente foi Johnny quem projetou a sua guitarra personalizada Duesenberg. Claro que a fábrica teve a idéia e quis homenageá-lo, mas deixou a criação com ele. E ficou linda demais.

“Johnny with the Duesenberg Guitar that he designed!! So beautiful”

Thanks Suzanne Allison!

10431548_513411888792241_5211083946243505748_n

Artigos relacionados:
Mais detalhes sobre esta guitarra você pode ler neste artigo em no nosso Blog —-> JOHNNY DEPP SIGNATURE – Guitarra
Sobre o livro de Suzanne com prefácio de Johnny leia aqui–> “Gimme Shelter” – Celebridades e seus animais de estimação

jul
24
2014

A cidade de Gloucester se prepara para receber as equipes de trabalho do filme Alice Através do Espelho, que será estrelado por Johnny Depp.
Gloucester é uma cidade e um distrito do sudoeste da Inglaterra, próximo a fronteira com o País de Gales. É a capital do condado de Gloucestershire.

Ontem, 22 de julho de 2014, o Gloucester Citizen noticiou que o filme Alice Através do Espelho terá as Docas da cidade como destino no próximo mês.
As equipes devem começar a chegar no início de agosto, para filmar cenas da sequência do blockbuster de Hollywood, Alice no País das Maravilhas.

alicehq01

Surgiram rumores de que as equipes seriam do próximo filme da série Piratas do Caribe, após noticias de que cinco grandes navios eram esperados para chegada às Docas em 18 de agosto, mas na verdade, trata-se de Alice, que também é estrelado por Johnny Depp, e que será filmado neste local histórico.
Um empresário local, que não quis se identificar, disse que este é o “segredo” mais conhecido pela cidade, pois todos já estão sabendo e se preparando.
Continue lendo

jul
15
2014

Notícia de hoje do Boston Herald.com

Johnny Depp and Sienna Miller get some Disco Fever in Randolph

There was a bad case of Disco Fever at Vincent’s nightclub in Randolph yesterday where the “Black Mass” cast — Johnny Depp as Whitey Bulger, Rory Cochrane as Stephen “The Rifleman” Flemmi, Sienna Miller as Catherine Greig, Jesse Plemons as Kevin Weeks, Joel Edgerton as John Connolly and their molls — busted some moves to Thelma Houston’s “Don’t Leave Me This Way” in what was supposed to be a Miami nightclub.
The scene was apparently some sort of precursor to the murder of John Callahan of World Jai Alai fame (which is probably why the DJ didn’t play “I Will Survive”). Much of the action involved Depp/Bulger giving the actor portraying the soon-to-be-Departed Callahan the stink eye while everyone else did the Hustle. More than 80 extras in extra-groovy ’70s outfits were on the dance floor for the Vincent’s shoot. Earlier in the day, cameras rolled for another scene involving a press conference about Callahan’s murder. And that’s a wrap …

10524406_708994102469021_1161592241_n

Tradução:

Johnny Depp e Sienna Miller estiveram em discoteca de Randolph

Ontem houve um episódio fora de época de Discoteca (Disco Fever), na boate Vincent em Randolph, onde o elenco de “Black Mass” – Johnny Depp como Withey Bulger, Rory Cochrane como Stephen “TheRifleman” Flemmi, Sienna Miller como Catherine Greig, Jesse Plemons como Kevin Weeks, Joel Edgerton como John Connolly e as companheiras dos gangsters – dançaram ao som de “Don’t Leave Me This Way” de Thelma Houston, no que deveria ser uma boate de Miami.

A cena aparentemente foi uma sequencia da morte de John Callahan, da famosa gangue mafiosa World Jai Alai (provavelmente por isso que o DJ não tocou “I Will Survive”). Grande parte da cena de ação envolveu Depp/Bulger, onde o ator retrata o momento em que encara o “futuro defunto” Callahan, enquanto todos os outros dançavam o “hustle”(passo de dança).
Mais de 80 figurantes vestidos ao estilo dos anos 70 estavam na pista de dança para as filmagens no Vincent.
No começo do dia, as câmeras filmaram uma outra cena envolvendo uma conferência de imprensa sobre o assassinato de Callahan. E isso é uma reviravolta …

Obrigada a Emma do JDZone
Obrigada a Ana Paula e Andresa pela tradução.

Link

jul
7
2014

Novo clipe de Paul McCartney com Johnny Depp

Posted by Salete • Comentários desativados
Category ι Artigos, Música, Paul McCartney, Traducoes, Videos

Divulgado hoje um novo clipe, Paul McCartney, com participação de Johnny e outros músicos, desta vez para a música “Early Days” do álbum NEW, lançado em outubro de 2013.
Não há confirmação, mas as gravações teriam ocorrido em março de 2014.

Paul

Assista Jam, de Paul McCartney, com Johnny Depp na Premiere de ‘Early Days’
‘Sir Paul’ compartilha a história por trás do clipe em preto e branco para a sua “canção de memória” sobre crescer com John Lennon

“Early Days” é um dos destaques do mais recente álbum de Paul McCartney de 2013, New, mas o vídeo da sua música – que você pode assistir exclusivamente aqui – poderia nunca ter acontecido se tivesse sido deixado para McCartney.
Continue Reading

jun
27
2014

Johnny Depp na revista MONET de julho de 2014

Posted by Rosa Maria • Comentários desativados
Category ι Artigos, Entrevistas, Filmes, Johnny Depp, Notícias, Revistas Brasileiras

A NET em sua revista mensal, a MONET ( O melhor da TV), traz toda a programação mensal da TV a cabo no Brasil, e sempre apresenta reportagens interessantes sobre séries, filmes, astros, diretores e sobre o mundo do cinema.

A edição do mês de Julho de 2014, que acabou de chegar às bancas, traz na capa uma bela imagem de Johnny Depp, com o título “As muitas faces de Johnny Depp” e dedica oito páginas de matéria sobre a vida e a arte do grande ator, fartamente ilustrada, em bela homenagem.

Na Carta ao Leitor, o Diretor de Redação, Luís Alberto Nogueira, fala:

“A começar pelo nosso homenageado da vez, Johnny Depp, talvez o astro de cinema mais conhecido do mundo nos dias de hoje, que finalmente chega à capa da nossa publicação e tem nada mais nada menos do que 25 filmes ao alcance do seu controle remoto este mês. Nada melhor para ilustrar sua persona do que uma montagem com cinco das suas mais marcantes – e excêntricas -criações. Não foi à toa que escolheram o homem para dublar um camaleão na animação Rango e aqui na nossa entrevista o astro explica suas opções no melhor estilo “quanto mais esquisito, melhor”.

digitalizar0001

Veja no Fórum DeppLovers, todas as páginas escaneadas da revista, clicando aqui.

Durante o mês de julho haverá a estréia do O Cavaleiro Solitário, no Telecine Premium, dia 19, sábado, às 22:00 e serão apresentados 12 filmes de Johnny na TV a cabo, além de outros 12 que estarão disponíveis no NOW (CLAROVÍDEO).

Estamos providenciando a digitação de toda a programação para postagem na Home do DeppLovers, como fazemos todos os meses.

jun
26
2014

O site sobre Cinema e Notícias “Cabine Cultural” Publicou dia 25 este artigo sobre o filme Transcendence A Revolução:

Johnny Depp está na área! O adorado ator volta aos cinemas com Transcendence – A Revolução

Transcendence – A Revolução, filme que entrou em cartaz na semana passada, é a mais nova opção para os cinéfilos de plantão neste período marcado basicamente por Copa do Mundo e Festas Juninas. Assim, uma ida ao cinema acaba sendo uma ótima alternativa para os que não gostam destes dois grandiosos eventos.

will

Falando da direção o filme marca a estreia de Wally Pfister, que foi vencedor do Oscar de Fotografia pelo badalado A Origem. Mas o grande destaque aqui vai para a produção executiva a cargo do aclamado cineasta Christopher Nolan (a série Batman, A Origem), além de Dan Mintz (Homem de Ferro 3) e Emma Thomas (a série Batman, A Origem). Ou seja, pela equipe técnica podemos esperar muito do filme.

História de Transcendence
Na trama, o Dr. Will Caster (Johnny Depp) é o mais importante pesquisador no campo da Inteligência Artificial. Ele trabalha no projeto de criação de uma máquina consciente, capaz de unir a inteligência coletiva de tudo o que existe com todas as possibilidades de emoções humanas. Os experimentos altamente controversos deram fama ao cientista, mas também o transformou no alvo principal dos extremistas anti-tecnologia, que farão o que for necessário para destruí-lo. E nesta tentativa, os extremistas acabaram, inadvertidamente, sendo os catalisadores do maior sucesso do Dr. Will Caster: ter sua mente transferida para o protótipo de um supercomputador e ser, assim, um participante de sua própria transcendência. Complicado?

Inteligência Artificial
O filme trabalha a possibilidade bem real de que os humanos – em seus incansáveis esforços para criar um mundo melhor, mais eficiente e autossustentável usando tecnologia – possam ir longe demais. No caso das emoções, nem sempre fica uma imagem positiva: uma máquina que tem a capacidade de ser bondosa também é capaz de ameaçar seu criador?

Johnny Depp
Johnny Depp vive um cientista que não apenas fornece as admiráveis descobertas para tornar a singularidade – a transcendência – possível, como também o cérebro que será o primeiro objeto de teste. Ele diz

“O que eu realmente achei intrigante nesta história foi a ideia de que um homem com uma mente brilhante, um sujeito simples que adora sua esposa e faz as palavras cruzadas no jornal toda manhã, é capaz de levar sua expertise ao ponto onde ego, poder e paixão podem, definitivamente, evoluí-lo para algo parecido com um deus mecânico”.

Os produtores sabiam que era necessário um ator grandioso para viver um papel que exigiria dele ser uma presença virtual durante boa parte do filme. Eles ficaram empolgados em ter Johnny Depp para dar vida ao personagem Will. “Johnny é um homem inteligente, portanto, ele consegue interpretar esse personagem muito confortavelmente e isso era importante”, diz Pfister. “Mas ele também traz uma cordialidade e um carisma que são inegáveis na tela. Ele é um grande comunicador e é um prazer trabalhar ao seu lado”.

Sobre seu personagem, Depp diz:

“Will é um cara legal que tem as melhores intenções para com o mundo quando busca a transcendência. Mas como ele se torna tão poderoso, tendo acesso basicamente a toda informação disponível na Internet e acreditando em seus próprios métodos, fica difícil detê-lo. Qualquer pessoa com tanto controle nas mãos, mesmo com as melhores intenções do mundo, bem… Sempre haverá aqueles que enxergam as coisas de maneira diferente. No caso de Will, parece ser tarde demais para impedi-lo”.

Continue Reading

Page 1 of 1512345...10...Last »