Johnny na Russia em Maio/2018

No final de maio de 2018 Johnny esteve em Moscou e St Petersburgo, para 02 concertos com a sua banda Hollywood Vampires. Aproveitando o espaço entre um show e outro, ele aproveitou para visitar locais históricos. Visitou o Mausoléu de Lênin, tirou uma foto no túmulo de Stálin e foi ao Museu Maiakóvski em uma excursão revolucionária, porque todos esses nomes e lugares estão relacionados ao período decisivo da história russa um século atrás.

E ele se vestiu como russo. Aquela camisa listrada nada mais era do que uma referência aos militares Russos. E a escolha da boina combinou.
Lembram que ele fazia questão de mostrar a manga? Cortou e usava em cima da jaqueta. Só agora entendemos.
Não foi por acaso.

Provocando os americanos, hein mocinho!

“Duas ou três vezes eu estive em Moscou, mas não tive tempo suficiente para fazer qualquer coisa – apenas tomar um banho e correr para divulgar o filme – Depp disse -. Desta vez, eu tenho mais tempo, ontem eu estava no memorial de um dos meus poetas favoritos Vladimir Mayakovsky – ele tinha uma paixão, unidade, muita força “.


“Desta vez eu tive tempo de visitar o grande poeta (Vladimir Mayakovsky), um dos meus favoritos, eu estava olhando os livros de alguma forma na loja, e eu mesmo encontrei, a capa da qual havia o desenho de Malevich com essas belas abstrações geométricas, e por outro lado – o retrato do poeta E quando eu vi essa cabeça raspada e seu rosto maligno, pensei – ah, claro que eu levo isso! E quando comecei a ler seus poemas, me apaixonei. Dramatismo, impulso e poder incrível, eu leio muito seus poemas, mas eu realmente gosto mais do seu (livro)chamado “Listen” (Ouça!). Para mim essa é uma das coisas mais importantes que ele já fez, e todos nós devemos ter essas palavras em mente “.

A equipe do fansite russo JohnnyDepp.ru, fez este relato interessante alguns dias depois pois elas se reuniram e foram lá fazer o mesmo roteiro.

Como todos sabemos, em sua terceira visita a Moscou, Johnny finalmente pôde visitar o museu de seu amado poeta Vladimir Maiakovski. Nós decidimos não adiar nossa visita por muito tempo e fomos na mesma excursão.
Conhecemos uma garota simpática, a mesma Catherine, que você podia ver na foto do museu, junto com Johnny. Quando ela descobriu quem éramos, não ficou nem surpresa ao dizer que estávamos longe de ser a primeira pessoa que o sr. Depp havia incentivado a visitar o museu.
Além disso, realizou uma turnê para nós, a propósito, muito divertido. No museu há uma exposição “Filha” dedicada à filha de Mayakovsky, Elena Vladimirovna (Patricia Thompson).
Quando o roteiro de visita acabou, fomos autorizados a andar, ver, sentar no sofá da família Mayakovsky. Então nos aproximamos de Catherine para falar mais especificamente. Ela disse que Johnny se comportou surpreendentemente fácil em relação as estrelas deste nível, fazia perguntas durante o roteiro, todo mundo ficou surpreso quão profundo conhecimento ele tem sobre Maiakovski, sabe sobre seus primeiros trabalhos e do talento artístico do poeta.
Ele realmente teve a ideia de criar uma imagem da relação entre Mayakovsky e Lily Brick. Johnny não conseguia entender como ela podia fascinar o poeta.(*) Se este projeto vai ganhar vida ou não, o tempo dirá. Em seguida, vimos as botas de Elena, que Johnny considerou “doce”.
Fomos apresentados aos livros que o museu doou para Johnny: foto-álbum, um catálogo de coisas Maiakovski do museu, livro de autoria Elena Mayakovskaya (em russo) e um livro exclusivo do arquivo, que, infelizmente, este era um único item e não vimos, já que Johnny o levou embora.
Pouco antes de partir, procuramos no livro de resenhas, onde o Johnny também adorna, comenta com gratidão o museu e o tempo que passou lá.

(*) Aqui eu entendi que Johnny pensa em fazer uma pintura do casal. Lily Brick foi uma amante e musa de Mayakovsky, tendo um relacionamento aberto, sendo casada e não se divorciou do marido, numa relação a 3.

Leslie Odom Jr. fala sobre excentricidade de Johnny

A estrela da Broadway, Leslie Odom Jr., falou com o apresentador Andy Cohen sobre a personalidade excêntrica de sua co-estrela Johnny Depp e que coisa estranha ele disse no set de “Assassinato no Expresso do Oriente”.

Leslie, qual foi o momento mais mágico que você teve com Johnny Depp no set de Orient Express?

– O momento mais mágico que eu tive com o Johnny Depp no set? hum.. haha.. ele tem um senso de humor estranho.. quer dizer.. um senso de humor incrível. O Johnny, tipo o Johnny… porque ele passa… A maioria de nós temos a nossa vida normal e uma pequena parte dela em um set de filme, se você faz 4 ou 5 filmes por ano, você passa muito mais tempo em um set de filmagem do que tendo uma vida ‘normal’ então ele, pra ele não existe hierarquia, ele fala com qualquer um porque é tipo a casa dele. Então uma vez ele e o Josh entraram numa briga pra ver quem era mais próximo a Judi, quem é o queridinho da Judi?
Então o Josh falou ‘eu levaria a Judi mundo a fora e lhe mostraria coisas mágicas, o que você faria por ela?’ e o Johnny diz “eu a levaria para a prisão”
– Apresentador: pra prisão?
– Leslie: e nós não sabíamos o que isso queria dizer.
– Apresentadora: nossa, isso soa muito estranho Leslie, bem estranho!

Johnny sempre enigmático!

Tradução: Amanda Ciliberto para Depp Lovers.

Apoio sugerido? Ou apenas um sonho? Kate e Johnny.

Em 06 de Novembro de 2017, a VOGUE postou uma foto de Kate Moss em Londres, com uma pequena bolsa da nova coleção primavera / verão 2018 de Saint Laurent. A matéria fala sobre o diminuto tamanho da bolsa, e diz: “Usando-a para uma visita ao cinema no final da tarde, Kate combinou um longo casaco preto, imaculados tênis brancos e uma pashmina creme envolta em torno de seus ombros. (Vogue.co.uk)

A foto obtida ao lado do cartaz do filme “Assassinato no Expresso Oriente”, que havia estreado em Londres há apenas quatro dias, nos levou a imaginar que talvez Kate estivesse demonstrando apoio a Johnny. Poderia ser apenas uma coincidência? Sim, claro, poderia. Mas o coração de fã sente, ou sonha, que poderia ser um apoio.

Impossível não recordar o apoio que Johnny deu a Kate em 2005, quando ela teve problemas com drogas e sofreu com os ataques da imprensa:

“A primeira coisa que passou por minha mente era que eu estava preocupado com ela, esperando que ela estivesse bem e que ela e seu bebê estavam bem”, disse Depp, 42 anos, que namorou a supermodelo por quatro anos até 1998.
“Em segundo, estava ficando consternado e chocado com o tipo de ataques viciosos”, disse Depp em uma entrevista na sexta-feira num programa de TV da manhã britânica.
“Ela é super afiada, muito inteligente e tem um grande coração. Ela é uma boa mãe, e ela simplesmente é humana, e a imprensa não admite isso, e isso é imperdoável”.

(People – 2005)

Uma sugestão? Sonho de fã? Coincidência? Ou um apoio de fato? Fica a pergunta.

Os crimes de Grindelwald

Vamos nos preparar para entrar nesse mundo dos bruxos? Para a maioria do mundo Depp, isto é um novo mundo, e estamos felizes de entrar nele. Muitos mistérios, muitos enigmas e muita magia, ou como preferem, bruxaria.

As informações abaixo estão fundamentadas no site Pottermore.. Contém spoilers.

“Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald”, segundo filme de uma franquia de cinco, chegará aos cinemas daqui um ano.
Finalmente foi divulgada uma imagem dos personagens principais e nele está o Grindelwald do nosso Johnny Depp e Dumbledore de Jude Law, além do nome do novo filme.

É chamado Fantastic Beasts: The Crimes of Grindelwald

Diretamente, o título diz que Grindelwald (Johnny Depp) será um grande foco no segundo filme, depois de ter sido desmascarado em Fantastic Beasts and Where to Find Them. Claramente, sua captura pela MACUSA não durará muito tempo, e Grindelwald ainda está atento a expor a comunidade mágica ao mundo trouxa.
Então, o que ele fará a seguir? Como o título sugere, não são coisas agradáveis. Grindelwald escapa a prisão e se concentra em reunir seguidores para sua causa. O que muitos de seus novos devotos não suspeitam é que sua verdadeira intenção é criar bruxos de sangue puro para dominar todos os seres não-mágicos.

A fuga de Grindelwald das mãos da MACUSA deve ser mostrada, afinal, a presidente do Congresso Mágico, Seraphina Picquery (Carmen Ejogo), voltará a aparecer, assim como o supervisor de Tina, Abernathy (Kevin Guthrie). O bruxo das trevas possivelmente vai viajar para a Europa, para continuar seu reino de terror.
Pelos livros de Harry Potter, sabemos que a ascensão de Grindelwald representou uma era sombria para o mundo bruxo – parecido com a ascensão de Voldemort (Ralph Fiennes). Ou seja… tempos sombrios estão vindo.

O filme explorará a relação entre Dumbledore (Jude Law) e Grindelwald. Os dois eram muito amigos (talvez mais que isso) quando adolescentes.
Eles tinham mútuo interesse em buscar as Relíquias da Morte (a Varinha das Varinhas, a Pedra da Ressurreição e a Capa de Invisibilidade) e compartilhavam da crença de que os trouxas deveriam ser submissos aos bruxos. Entretanto, a amizade deles acabou quando o irmão de Albus , Aberforth (Ciarán Hinds), confrontou os dois. Isso porque um duelo entre os três resultou na morte da irmã caçula dos Dumbledore, Ariana.

A Varinha das Varinhas

Na imagem divulgada na última semana, Grindelwald é visto segurando a Varinha das Varinhas. Dos livros de Harry Potter, sabemos que o bruxo roubou a Relíquia da Morte do fabricante de varinhas Gregorovith.
As varinhas tambem apareceram numa foto: a Varinha das Varinhas, que agora sabemos pertencer a Grindelwald, e outra varinha, que pertence a Albus Dumbledore.

Jude Law interpretará Albus Dumbledore, uma versão mais jovem do que aquela de Richard Harris e Michael Gambon. Na ocasião, o personagem ainda não será diretor de Hogwarts, mas sim professor de Transfiguração na Escola de Magia e Bruxaria.
Temos uma primeira imagem de Jude Law em traje como Albus Dumbledore, completo com uma barba curta, casaco de veludo cinza e longo e alguns sapatos muito bem enfeitados. Para ecoar as palavras de Kingsley Shacklebolt – você tem que ceder a Dumbledore: ele tem estilo.

Dumbledore pedirá auda a seu ex-aluno Newt Newt Scamander (Eddie Redmayne) e os dois parecem ter uma história: Dumbledore argumentou contra a expulsão de Newtts de Hogwarts anos antes. E na última edição do livro Fantastic Beasts e Where to Find Them, um novo prefácio de Newt diz que Dumbledore era “mais do que uma professor para mim”.
O filme será ambientado em 1927 em Nova York, Paris e Londres, somente alguns meses depois de Animais Fantásticos e Onde Habitam. Segundo uma imagem publicada no Twitter do filme, Newt terá finalmente terminado seu livro sobre criaturas mágicas e fará seu lançamento na Floreios e Borrões, em Londres.


(Montagem via web)

E Credence está vivo!
Credence (Ezra Miller) também retorna, de forma “misteriosa”. Crescer com a fanática Mary Lou significava que Credence desenvolveu um Obscurus – uma força escura e incontrolável que ocorre quando um brux ou mago reprime seus poderes. Quando vimos Credence pela última vez, ele pareceu ter morrido dentro de sua própria forma Obscurus, então, como ele sobreviveu?
Como a maioria dos Obscurials não sobrevive após a idade de 10 anos, Credence pode ser um mago muito poderoso. Na nova foto lançada hoje, ele está sentado intimamente com o personagem de Claudia Kim, que será Maledictus! Ela é portadora de uma maldição que a transforma em beast, fera.

Fonte/Source

Geoffrey Rush fala sobre o futuro do Cap. Barbossa em Piratas

Geoffrey Rush insinuou que não aparecerá em nenhum futuro filme de “Piratas do Caribe”.

CONTÉM SPOILER (caso você não tenha visto o filme ainda)

O ator australiano interpretou o capitão Hector Barbossa por 14 anos, aparecendo recentemente em “Piratas do Caribe: Dead Men Tell No Tales” (A Vingança de Salazar), que superou a bilheteria dos EUA no fim de semana de abertura.

No entanto, Rush indicou agora que o desaparecimento de Barbossa na última parte significa um fim natural para o personagem.
“Eu disse ao (produtor) Jerry Bruckheimer:
“Acho que esse é o fim de Barbossa”, explicou Rush ao site TooFab.” (A morte dele) expandiu dramaticamente o mundo do gênero blockbuster, perder um personagem importante é ok. Tudo fez sentido e não fez parecer um drama forçado.”


No último filme, Barbossa, que se tornou um senhor pirata muito rico que comanda toda uma frota de navios, se sacrifica por sua filha, Carina. Embora a franquia do filme tenha o hábito de trazer os personagens de volta dos mortos, nesta ocasião, Rush está certo de que não acontecerá.

“Eu acho a idéia do sacrifício altruísta, você diminuiria isso se de repente pensasse do tipo:”Bem, nós o traremos de volta porque nós tínhamos os scorecards preenchidos e todos disseram que gostaram de Barbossa”, disse ele.

Mas Bruckheimer não está pensando nada disso, e ele não exclui trazer de volta o personagem popular em qualquer possível reinicialização.
“Você nunca sabem o que podemos fazer. Nós sempre podemos trazer os personagens de volta quando os amamos e nós o amamos”, o cineasta veterano sorriu, com Rush reconhecendo que, quando há vontade em Hollywood, existe um caminho.

Source/Texto Original >>> usanewtoday

Frank Langella fala sobre Johnny em “O Ultimo Portal”

O ator Frank Langella, que contracenou com Johnny no filme The Ninth Gate (O Ultimo Portal), de 1999, durante passagem pelo SITGES – O Festival Internacional de Cinema Fantástico da Catalunha, em 13/10/2017, fez revelações carinhosas e engraçadas sobre Johnny. As declarações foram publicadas pela página ilcineocchio.it/cinema, em 18/10/2017.

Frank Langella em “O Nono Portal”: “Quantas risadas com Johnny Depp e com o zangado Roman Polanski naquela época”

O ator lembrou a experiência divertida no set do suspense de 1999, contando algumas histórias sobre o trabalho.
Presente no último Festival Sitges para pegar um prêmio de carreira especial, aos 78 anos de idade, Frank Langella recordou sua participação em The Ninth Gate (O Nono Portal), um thriller de 1999 dirigido por Roman Polanski, tirado da novela “The Dumas Club”, do escritor espanhol Arturo Pérez-Reverte, onde atuou ao lado de Johnny Depp.

Estas são as suas palavras:

Eu tinha acabado de chegar da América e eu estava muito cansado, sob a influência do jet lag e não tinha comido nada. Colocamos os scripts na mesa e me virei para perguntar a alguém se poderíamos comer um sanduíche ou qualquer outra coisa pois eu só precisava comer algo.
Quando me virei Johnny não estava mais. Eu pensei que, como ele era a grande estrela do filme eu ficaria feliz em esperar um pouco. Então comecei a conversar com Roman sobre a cena, até que Johnny voltou para o local com meu sanduíche e uma bebida. Ele saiu assim que ouviu o meu pedido.
Perguntei-lhe por que ele fez isso, vendo o seu status, e ele simplesmente me respondeu: “Você estava com fome!”

Continuamos a ter um relacionamento maravilhoso durante o trabalho.
Por algum motivo, eu tinha o exato senso de humor que fazia Johnny rir, não importava o que eu dissesse, mesmo no meio das cenas mais escuras.

Read More

Bastidores de Assassinato no Expresso do Oriente

A autenticidade também governou os figurinos, que são principalmente feitos à mão e fiéis ao período. Alexandra Byrne, a figurinista, era “muito gentil porque ela protegeu minha pele de toda a lã”, diz Pfeiffer. “Eu sou muito sensível à lã. Eu começo a coçar.

Ambos, Johnny Depp e Michelle Pfeiffer, eram “muito orientados para a roupa”, diz Branagh, voando para os acessórios meses antes de serem chamados.
“A primeira vez que encontrei Johnny, era uma hora da manhã e ele estava caminhando para cima e para baixo na sala de figurinos dos estúdios de Longcross, experimentando paletós e bengalas. Você vê este encontro turbulento, obsessivo e tátil.”

The Telegraph

Nova (velha) foto de Platoon

Divulgadas novas (velhas) fotos de Platoon na página do Facebook do documentário que está sendo produzido em comemoração aos 30 anos do filme. Platoon: 30 Documentary: LINK Com Johnny Depp e Charlie Sheen.

Mais detalhes sobre o documentário veja >>> Neste post

É fácil ver como estes dois se tornaram grandes estrelas de cinema.
Easy to see how these two became major movie stars.

Johnny e suas camisetas

Johnny adora usar camisetas com homenagens ou mensagens com destino certo. E sempre chama a atenção!
Desta vez foi a camiseta com Hunter Thompson que ele usou durante as filmagens de Richard Says Goodbay, e que apareceu em uma foto dele com um dos cães que fazem parte do filme.

A estrela de cinema de Hollywood Johnny Depp foi recentemente vista com uma camiseta de Hunter S. Thompson da loja Westcoastees de Duncan.

Jayson Ward, que é dono da loja de camisetas localizada em – 6961 Trans-Canada Hwy #5, Duncan, BC V9L 5T5, Canadá, juntamente com Maria Midgley, disse que um amigo estava trabalhando no set do próximo filme de Depp, Richard Says Goodbye, em Vancouver e decidiu presenteá-lo com uma T-shirt de Hunter S. Thompson da loja.

Depp interpretou o escritor gonzo Thompson no filme de 1998 Fear and Loathing em Las Vegas e os dois homens permaneceram amigos até a morte de Thompson em 2005.

“Alguém tirou uma foto de Depp vestindo a camiseta e apareceu em um Instagram”, disse Ward.

“Ela acabou de sair daqui. É da nossa popular linha “Strange Company” que inclui figuras literárias e personagens históricos famosos “.

Tradução e Adaptação Depp Lovers.
Fonte

Documentário sobre os 30 anos de Platoon

Vem aí um documentário sobre Platoon e seus 30 anos. E Johnny estará nele.
A reunião que aconteceu na casa de Johnny em 16 de julho com o elenco do filme têm relação com esse projeto.

“Charlie Sheen narra como o elenco e a equipe compartilharam suas experiências pessoais fazendo o filme vencedor do Prêmio da Academia, Platoon. Este filme independente e de baixo orçamento foi lançado quase que exclusivamente com atores jovens e desconhecidos que fazem seu primeiro filme. Juntos, eles compartilham suas experiência no esgotante campo de treinamento, o estilo de direção “único” de Oliver Stone e as condições de filmagem brutais que juntos forjaram sua eterna irmandade.”

Fonte/Source

Pirates of the Caribbean 5 Bloopers – Bastidores

A EW divulgou este video com algumas cenas de bastidores de Piratas do Caribe 5 – A Vingança de Salazar

O capitão Jack Sparrow é experiente, mas ele não é tão experiente. Como todos os outros filmes da história de Hollywood, Pirates of the Caribbean: Dead Men Tell No Tales não chegaram à tela grande sem deixar sua parcela de cenas no chão da sala de corte, arruinadas pelos atores ou por acidente.

Ator Dominique Columbus divide tela com Johnny Depp em LAbyrinth

O jovem ator Dominique Columbus, mais conhecido por seu trabalho na série de TV “Ray Donovan”, está no elenco de LAbyrinth. Em entrevista recente para rolling out, ele falou sobre trabalhar com Johnny:

“Eu e o Johnny (enquanto estávamos filmando) uma de nossas cenas, tivemos várias conversas curtas. Uma das grandes características sobre Johnny é que (ele lidera) por exemplo ao meu ver por causa do jeito dele de tratar todo mundo com respeito e amor, não tinha ego nenhum. Isso É o que pessoas desse nível devem fazer. Você deve inspirar outras pessoas, e não ter um ego grande ou maltratar os outros.”

Fonte/Source