As incontáveis verdades sobre Johnny Depp

Elizabeth Fickenscher resumiu algumas verdades sobre o Johnny para o site Looper.com LINK

Tradução: Mayla L. Caldeira/DeppLovers

Ao longo de uma carreira que se estende por mais de 30 anos, Johnny Depp interpretou alguns personagens bastante estranhos, em parte por causa da sua contínua colaboração com o diretor Tim Burton e em parte por ele simplesmente marchar por ritmo diferente de um baterista (ou talvez seja um instrumento do qual nunca ouvimos falar antes).

Apesar dele ter um relacionamento torturante com a fama, ele é um mestre em sua profissão e uma pessoa extremamente interessante. E mesmo depois de todos esses anos no centro das atenções, ainda há “incontáveis” fatos sobre o enigmático ator e músico.

ELE É APAIXONADO PELA LIBERDADE DE EXPRESSÃO NAS ARTES

Junto com vários outros socialmente conscientes artistas, Depp participou da campanha “Prisoned for Art” do Projeto Voz. Um grupo de defesa para o aumento de conscientização sobre artistas presos e apoia a liberdade de expressão. Peter Gabriel, Nadya Tolokonnikova (de Pussy Riot) e Tom Morello (anteriormente Rage Against the Machine e Audioslave) foram alguns dos outros ativistas que se juntaram a Depp, para retratar artistas que foram presos injustamente. Cada um aparecendo em retratos expressando-se em uma pessoa real , t-shirts foram feitas a partir de cada foto. Depp retratou Oleg Sentsov, um cineasta ucraniano que cumpre uma pena de 20 anos na Rússia.

O Projeto Voice afirma que Sentsov foi preso por protestar contra a tomada de posse da Criméia pela Rússia em 2014. Sentsov nasceu em Simferopol, a maior cidade da Criméia, por seu protesto ele foi condenado a prisão e possivelmente torturado. O embaixador da Ucrânia no Reino Unido twittou a foto da imagem falsa de Depp com a hashtag #FreeSentsov. Sentsov está cumprindo sua sentença no leste da Sibéria, onde é provável que ele não esteja recebendo nenhuma mensagem, mostrando uma situação preocupante que só ressalta a importância do Projeto.

ELE NÃO É UM FÃ DA ATUAL ADMINISTRAÇÃO

Depp não é um fã do presidente Trump e não era mesmo antes de ele ser nomeado para o cargo. Na verdade, o ator colocou uma peruca loira morango e um rosto cheio de próteses para interpretá-lo em um filme de 50 minutos Funny or Die, chamado The Art of the Deal (baseado no livro Trump com o mesmo nome).
De acordo com uma entrevista para a Ellen Degeneres, os cineastas simplesmente pediram para Depp interpretar o Trump e ele disse sim. Eles gravaram as cenas do Depp em quatro dias por causa da agenda do ator. O filme foi postado na manhã em que Trump ganhou a primária de New Hampshire. A premissa é que o filme foi feito nos anos 80, mas foi antecipado por um jogo de futebol e trancado em um cofre por anos.

Mas retratar o futuro presidente não foi o fim das críticas de Depp, em uma conversa na ASU chamada “Finding Creativity in the Madness”, entre as intuições de Depp sobre o processo criativo do projeto Origins Project, conduzido pelo astrofísico Lawrence Krauss, ele disse que Trump era um “pirralho” e um valentão. Ele fez uma impressão de Trump para os alunos, uma que ele indicou estar disposto a repetir quando se ofereceu para assumir os deveres de representação de Trump do Alec Baldwin no Saturday Night Live.

ELE TEM UM PONTO FRACO PARA CRIANÇAS

Em uma emotiva entrevista no programa The Graham Norton Show, Norton perguntou para Depp como era levar presentes do Jack Sparrow para crianças, já que ele é bem conhecido por suas visita em hospitais e escolas infantis vestido com o seu popular personagem Piratas do Caribe. Depp revelou suas lutas pessoais com a doença de sua filha, disse para Norton que ele era o único que realmente recebeu um presente dessas visitas, que ser capaz de “trazer um sorriso ou uma risadinha era tudo”.

A visita de Depp (juntamente com Stephen Graham) ao Hospital Infantil Lady Cliento, em Brisbane na Austrália, em julho de 2015, durou três horas. Ele visitou a Greenwich School em Londres depois que Beatrice, de nove anos, enviou uma carta solicitando lições de pirataria. Parece que Depp sente uma forte afinidade por seu personagem Capitão Jack e tem um enorme ponto fraco para seus fãs mirins.

A ÚLTIMA COISA QUE ELE QUER É SER ELE MESMO

Jezebel depois de postar uma entrevista de The Today Show com Depp e Joel Edgerton, opinou que Depp já nem sabia seu próprio sotaque. Embora tenha sido desafiador dominar o sotaque ultra-Boston para interpretar Whitey Bulger, Depp sempre foi um pouco peculiar ao falar em entrevistas. Ele tende a fala como britânico, como o sotaque de Boston, ou Hatterish ou o que quer que ele queira. Mas considerando que na mesma entrevista, ele realmente disse :”a última coisa que eu quero olhar é como eu”. Pode haver mais do que uma confusão de sotaque em jogo.

Na discussão do Projeto Origins ASU, Depp falou sobre uma conversa que ele teve uma vez com seu mentor, Marlon Brando. Quando Depp disse paraa Brando que estava fazendo dois ou três filmes por ano, Brando lhe falou que era demais. De acordo com Depp, Brando argumentou que “só temos alguns rostos no bolso”. Embora ele insiste que ele ainda não tem escassez de “rostos”, na mesma entrevista, ele disse que se tornou um ator por engano e ainda não tinha certeza se era a decisão certa.

COMEÇOU POR CAUSA DO NICOLAS CAGE… OU FOI ELE QUE FEZ?

A rede Biography afirmou que a primeira esposa de Depp, a maquiadora Lori Allison, apresentou Depp ao seu ex-namorado, um ator chamado Nicolas Cage. Cage viu algo em Depp e abriu algumas portas cruciais no início da carreira do ator. Depp contou a história de maneira diferente, lembrando que alguém lhe falou: “Por que você não vai encontrar um agente, meu agente está com Nicolas Cage … ela me enviou em uma audição para alguma coisa e eu consegui”.

Em outra entrevista em 1988, Depp lembra que “um amigo” o apresentou para Cage, e ele achava que Depp deveria dar uma chance e tentar. Uma foto de 1988, publicada pela GQ, mostra que os dois definitivamente se conheciam na época e reforçam a história sobre a esposa de Depp ser responsável pela introdução.

FOI O INSTRUMENTO QUE LEVOU GILBERT GRAPE PARA OS CINEMAS

Gilbert Grape – Aprendiz de sonhador, filme de 1993, que lançou a carreira do jovem Leonardo DiCaprio e unindo Depp e Juliette Lewis em tela, tornou-se um clássico cult. Mas poderia não ter sido filmado se não fosse a namorada de Depp na época, Winona Ryder. Ela leu o romance de Peter Hedges e fez com que Depp ler. Ele sentiu que era um Catcher moderno e se identificou fortemente com Gilbert, um jovem preso em uma pequena cidade e selado com responsabilidades familiares.

Depp conversou com o diretor Lasse Hallström sobre o livro e os dois concordaram em trabalhar no filme antes mesmo de existir um roteir. Hallström alistou o autor Hedges para trabalhar no roteiro e o resto é história.

ELE ESTÁ EM UMA BANDA DE ESTRELAS

Depp não se mudou para a Califórnia em 1983 para tentar ser ator, ele estava em uma banda, The Kids, que tiveram muito sucesso na cidade Miramar, na Flórida. Depp realmente deixou o colégio por causa da banda e eles abriram shows para Talking Heads, o Pretenders, os Ramones. Depois que a banda se separou ele foi para a atuação, mas Depp nunca se esqueceu de seu amor pela música e estava em uma banda glam chamada Rock City Angels, antes de aterrissar em seu papel como Tom Hanson em 21 Jump Street. Depp, mais tarde, começou a banda P com Butthole Surfers líder Gibby Haynes. Embora rompessem rapidamente, ele permanecia musicalmente ativo. Recentemente, ele esteve em uma banda chamada Hollywood Vampires ao lado de Alice Cooper, o guitarrista do Aerosmith Joe Perry e Guns N ‘Roses veste Duff McKagan e Matt Sorum. Os membros dizem que todos tiveram pinceladas com a morte, e Depp em particular parece sentir-se feliz em fazer parte da colaboração. Um álbum auto-intitulado foi lançado em 2015.

ELE TEM PROBLEMAS DE VISÃO

Ninguém é perfeito. Depp contou para a Rolling Stone que ele enfrentou problemas na visão ao longo de sua vida. “Tudo está muito, muito desfocado”, explicou. “Eu nunca tive a visão apropriada.” Essencialmente cego em seu olho esquerdo, ele só é capaz de ver (naquele olho) “alguns centímetros de distância de seu rosto.”

Sem surpresa, Depp admite que não consegue ver filmes em 3D. Ele diz que “tem um olho estranho”. A Neurologista Margaret Livingston suspeita que Depp pode ter estereofonia.

ELE TEM UMA RELAÇÃO INTERESSANTE COM O ÁLCOOL

Ele é um bebedor, mas não um alcoólatra. Ele admitiu a auto-medicação com álcool, mas ele não sente uma compulsão para beber. Ele pode, no entanto beber durante dias e foi camarada de Marlon Brando, Hunter S. Thompson e muitos outros. Quando se sentou para um artigo da Rolling Stone em 2013, Depp disse que tinha estado sóbrio por 1 ano e meio.

Um artigo de Boston Globe de 2008 cita que Depp “se envenenou” com álcool pois a fama que ele experimentou era muito difícil de lidar. A ex-esposa Amber Heard, além de acusar Depp de abuso, também alegou que ele era um “alcoólatra e viciado em drogas”, e segundo as informações, a filmagem do último filme dos Piratas foi atrasada às vezes por causa do drama com Heard e as bebedeiras. Aqui estamos esperando que o pior daqueles dias esteja para trás.

ELE ESTÁ NOS TRILHOS COM SUA CARREIRA

Depp enfrentou uma confusão em seu divórcio, problemas de dinheiro e ações judiciais… mas ele está de volta ao trabalho e trabalhando duro. Ele voltou para o quinto filme da franquia Piratas do Caribe em 2017 e alinhou uma série de projetos que incluíram The Libertine* e Murder no Orient Express. Este último é o clássico de Agatha Christie. Ainda há muito a vir deste ator e músico complicado e talentoso. Mal podemos esperar para ver que rosto ele tentará em seguida.

Nota DeppLovers:

*The Libertine foi cancelado.
Outros filmes estão confirmados:
Animais Fantásticos e Onde Habitam 2 (2018)
Sherlock Gnomes 2018(Pré-produção)
LAbyrinth 2017 (Pós-produção)
Assassinato no Expresso Oriente 2017 (Ppós-Produção)
Homem Invisivel (Pré-Produção)

Artista faz escultura da cabeça de Hunter S. Thompson caracterizada no filme Medo e Delírio em Las Vegas

Com o dobro do tamanho de uma cabeça humana, com o óculos e o pescoço refletindo o mundo em velocidade, um estranho busto com um chapéu imenso, segurando seus cigarros entre os dentes, é uma obra do artista de efeitos visuais Kevin Kirkpatrick.

‘Eu queria que a escultura chegasse o mais próximo possível do poster do filme Medo e Delírio em Las Vegas, que é basicamente uma imagem distorcida do filme.

A fotografia do filme foi bastante distorcida pois foi realçada digitalmente, então eu sabia que poderia tomar liberdades artísticas’

diz Kirkpatrick criador da empresa Epoch Creations de efeitos especiais com maquiagens.
Lançado em 1998, Medo e Delírio em Las Vegas é uma cômica e sombria adaptação do livro onde o jornalista e seu advogado se perdem em um pesadelo em Sin City.
Dirigido por Terry Gilliam, Depp interpreta Duke, Benicio del Toro interpreta Oscar Zeta Acosta, também conhecidos como, Dr. Gonzo. Kirkpatrick pegou o cartaz do filme e o recriou como uma original obra de arte em 3D, fazendo uma viagem selvagem no coração da psicodelia do filme cult.
O projeto honestamente parece gerado por computador, e não feito artesanalmente.


Clique nas imagens

“Eu só queria que as pessoas pensassem sobre o que elas estavam olhando”, diz Kirkpatrick.”Quando eu fiz a primeira peça, eu postei fotos e as pessoas me perguntaram por que eu postei uma foto do cartaz. Até que eles perceberam que era uma obra de arte em 3D da imagem que eles estavam acostumados a ver em duas dimensões. Eu assumi o desafio com um prazo muito limitado, o que quase me deixou louco devido à falta de sono. Mas tem sido um dos meus projetos favoritos.”

A montagem de Kirkpatrick é semelhante aos de muitas esculturas hiper-realistas, ele faz uso de silicone para fazer com que a pele do busto pareça suave, texturizado e real. Para adicionar o apelo estranho e cômico, como do filme, Kirkpatrick usa cabelo humano real.

“Para todos os pedaços de cabelo, e os dentes são acrílico dental. A diferença com esta peça em especial e o que tornou mais desafiador, foram os óculos e o guarda-roupa. Eu fiz os óculos, assim como os óculos de proteção a partir do zero. Abaixei fio de bronze e soldei as peças para obter a forma que eu queria, em seguida, usei um plástico aquecido para as lentes em uma máquina de formação de vácuo para se encaixar os quadros. Houve muito aprendizado com as curvas, quando decidir fazer, utilizei materiais que nunca tinha experimentado antes “

Texto Original

Trad. Mayla L Caldeira/DeppLovers

Black Mass é forte concorrente ao Oscar 2016 de Maquiagem e Penteados

O trabalho do maquiador Joel Harlow é premiado e reconhecido. Há anos ele acompanha Johnny, e foi responsável por caracterizações memoráveis dele, como em Piratas do Caribe, Alice no País das Maravilhas, O Turista, Diário de um Jornalista Bêbado, Sombras da Noite e O Cavaleiro Solitário. E novamente ele se sobressai, na incrível produção realizada para Aliança do Crime (Black Mass), desta vez em parceria com Gloria Casny. O trabalho está sendo considerado um forte concorrente ao Oscar 2016 de Maquiagem e Penteados.

O Below The Line News trouxe ontem, dia 15/12/2015, uma longa matéria sobre o assunto, onde Joel conta em detalhes todo o processo, e a importante participação de Johnny.

Read More

The Ginger Man com prefácio de Johnny Depp

The Ginger Man, o clássico de J.P.Donleavy, completou 60 anos! O livro é um dos prediletos de Johnny Depp, que há mais de 15 anos vem tentando transformá-lo em um filme.

JD e Donleavy-outubro de 2005

Johnny e J.D.Donleavy em outubro de 2005

Em julho de 2015, a Lilliput Press, livraria de Dublin, Irlanda, detentora dos direitos de publicação, anunciou o lançamento de uma edição de aniversário de luxo da obra prima, com capa dura, material manuscrito inédito, um ensaio bibliográfico ilustrado, fotos inéditas e um prefácio de Johnny Depp!

Read More

Serendeppity – Lip Gloss by Lori Anne Depp

Estamos aqui para falar do lançamento da Coleção de Lip Gloss criado por Lori Anne Allison Depp. Acho que seu nome já diz tudo, dispensa apresentações, pois qual admiradora de Johnny não ouviu falar em Lori?

headshot

Discreta em sua vida pessoal, de bem com a vida, inteligente, e empreendedora. Esta é a imagem que tenho dela. Vive muito próxima de celebridades, sendo profissional de maquiagem, mas mantém-se longe dos holofotes.
Ela co-publicou o livro Gimme Shelter com a irmã, a fotógrafa Suzanne Allison. Trata-se de um livro fotográfico com celebridades e seus animais de estimação. Ambas, Lori e Suzanne dedicam muito do seu tempo para ajudar a promover a castração/esterilização, num esforço para diminuir a superlotação de cães e gatos em abrigos.

Read More

05 Lições de estilo do Capitão Jack Sparrow

Como alguém começa a descrever o capitão Jack Sparrow? Nós sabemos que ele é original e único, então é um pouco difícil de colocar Jack em alguma espécie de categoria. O que podemos fazer é falar sobre seu senso de estilo bastante único. Na superfície, o senso de moda de Jack, assim como sua abordagem para tudo na vida, pode parecer um pouco aleatório e impensável. Em uma análise mais aprofundada porém, torna-se bastante claro que Jack sabe exatamente o que está fazendo, e há algumas coisas que podemos vislumbrar de seu estilo pessoal.

10371338_676917835679375_4434620259757250481_o

Destaque-se em qualquer recinto que você entrar

Seja por um barco afundando ou atravessando uma janela, você sabe quando Jack Sparrow chega. Seu carisma, ou se preferir, seu entendimento é o que torna Jack um personagem fascinante (e hilário). Esse entendimento também se aplica no estilo. Não é algo que você possa comprar, mas fala por si mesmo, suas roupas também.

Abrace as camadas
Read More

Amber, por ela mesma

A Revista Aleim Magazine de junho traz uma grande entrevista com Amber Heard, e uma belíssima sessão de fotos. O lançamento da revista aconteceu em NY no dia 29 de maio, e Johnny Depp estava lá, presente acompanhando a noiva.

tumblr_n4lznbcULa1rty05po1_500

Foto: em NY, assistindo “Cabaret” no Studio 54

Entrevista:

Amber Heard: The Eternal Defiant Woman
An interview by Lizzie Friedman

Amber Heard: A Eterna Mulher Provocadora

Read More

Uma entrevista nostálgica

Mais uma vez trago para o Blog uma entrevista. Adoro ler entrevistas, principalmente as antigas. Acho que elas têm uma nostalgia bonita e na maioria das vezes revelam mais do que as atuais.

Inspirada pelas ultimas aparições de Johnny com diversos músicos e participações em diversos shows, achei uma entrevista diferente, feita em uma época em que Johnny era tratado pela mídia como John e não passava de um muito jovem guitarrista de uma banda de rock. Esta entrevista foi feita por Dana Elder para a revista Scarlet Bugle em 1981 com os membros da Banda The Kids: Bruce Witkin ( baixo e vocal ), Johnny Depp ( guitarra ),Joey Malone ( guitarra e vocais ) e Bill “Beano” Hanti ( bateria ). A banda, nesta época, estava batalhando por um contrato com alguma gravadora que os lançasse ao sucesso, mas já abriam para diversos shows como The Pretenders, Chuck Berry ,Iggy Pop etc.

Eles eram muito garotos naquela época. Johnny era o mais novo com dezoito anos! Por isto amei ler esta entrevista tão singela, simples e cheia de sonhos. Espero que gostem.Read More

Coisas do Passado

Estava fazendo uma das minhas pesquisas para mais um post do Blog, quando me deparei com esta entrevista feita há muuuito tempo atrás. Eu já tinha lido em pesquisas anteriores, mas nem me lembrava mais dos detalhes. A maneira como a repórter descreve Johnny e seu modo de viver e pensar me deixou impressionada pela coesão com os fatos de hoje. Ele é em sua essência a mesma pessoa. Nem o sucesso de Piratas do Caribe abalou sua estrutura ou mudou seus princípios, é claro que hoje em dia ele se protege mais contra a mídia, está mais maduro, mais calejado. Porém, continua sendo como ele mesmo disse em Toronto “um frentista com um trabalho estranho.”.

Achei que vocês iriam gostar de ler esta entrevista também. É longa, mas deliciosa.
Há fatos que já não são mais novidades para nós, mas o que conta é a comparação do antigo com o atual. Johnny de ontem e Johnny de hoje.

Algumas partes podem parecer estranhas ou sem sentido… Lembrem-se é uma tradução das palavras de Johnny Depp… Fiz o meu melhor- rsrsrs . Entre as coisas ditas pela repórter fiz algumas notas minhas que coloquei entre parênteses. Espero que curtam.
Contém alguns palavrões.

Depp Carga – Johnny Depp pega fogo

por Johanna Schneller
GQ Magazine
Outubro1993

Johnny Angel ~ Por trás da fachada de Johnny Depp ídolo teen situa-se a alma de um rei-filósofo e o coração de um delinquente juvenil.

JOHNNY DEPP se lembra de quando o La Brea Tar Pits ( um sítio de arqueologia com grande número de fósseis em Los Angeles ) era diferente. Mais antigo. Não tão antigo como quando os tigres de dentes de sabre que ficaram presos lá até morrerem, é claro. Mas por volta de cerca de dez anos, quando ele era recém-chegado em Los Angeles, antes das cercas serem construídas e das pessoas aparecerem. Agora, ele se senta em um banco de madeira descascado e olha para uma piscina de gosma preta, sua beleza frágil está obscurecida com segurança por um boné de beisebol e cabelo ruivo desgrenhado. Sua voz é profunda, lenta e rouca de cigarro. Ele fala sobre coisas antigas, que são suas coisas favoritas.

O tempo passa. Eventualmente, Depp menciona que ele tem de encontrar um cara para fazer uma coisa em três horas. -Isto é o mais específico que ele conta sobre a maioria dos detalhes de sua vida -. Ele não é do tipo que usa relógio, mas ele tem uma ideia. Ele sobe em sua caminhonete azul-cobalto Chevrolet 1954 e solenemente estuda o telefone no seu interior perfeito. “Eu não sei se isto vai funcionar”, diz ele, em seguida, digita sete dígitos. Uma voz misteriosa e alegre enche a cabine: “Ao ouvir o sinal, o tempo será 2:19 e 20 segundos.” Read More