O gosto pela leitura _ Parte 3

Bom, eu avisei que lista ia ser grande, não avisei? Isso tudo que eu busquei e mostrei a vocês, era uma vontade antiga de saber mais sobre as leituras feitas pelo Johnny e, tentar encontrar o maior número possível de títulos que eu também pudesse ler. Imagino que vocês logo, logo estarão em busca desses livros também, não é? rs Esse rapaz é pura cultura! 

E para fechar com “chave de ouro”, mais uma vasta lista de livros lidos por ele nesses últimos tempos. Alguns livros conhecidos, outro nem tanto, mas, tenho certeza que todos eles aguçarão nossas curiosidades assim como os outros já postados aqui. 

 Obs: Quero agradecer a todas vocês que visitam o blog e gostam dos nossos posts. Saibam que tudo o que a gente faz aqui, nos da uma satisfação enorme em compartilhar , e o carinho de vocês só nos da mais vontade de criar.  

Aproveitem o último e mais especial ato da minha pesquisa pelo gosto do nosso amado! 

Enjoy! 

 

 

Essa última parte apresenta (para quem ainda não foi apresentado) a lista Essencial de Johnny Depp, que diz quais são os títulos que ele mais gosta e por que com suas próprias palavras. 

-The People’s Act of Love ( Ato de amor do povo ) – James Meek

Um épico sombrio, terrível, sedutora jornada definida em meio à tundra gelada da Rússia em tempos de guerra. Uma prosa deliciosa. Uma vez que suas garras sujas rompem a pele, aquele aperto gelado da morte não te deixará ir tão cedo. Inesquecível.

Infos do livro: “Na gélida Sibéria de 1919, um povoado de cristãos ortodoxos – que acreditam na castração como um instrumento para se alcançar o paraíso – se mantém firme em sua fé apesar da guerra civil que assola o país. Liderados pelo enigmático Balashov, homem de poucas palavras que encontra das vastidões das estepes o abrigo para seu passado misterioso, vivem perto de uma companhia de soldados checos, desesperados para voltar para casa. Aquartelados às margens da ferrovia Transiberiana, tentam resistir ao frio e à iminente chegada dos bolcheviques. Liderados pelo alucinado capitão Matula, o pelotão não vê a hora de abandonar o conflito já perdido. Então chega à localidade o jovem Samárin, fugitivo do último gulag da Rússia. A presença do rapaz intriga soldados e habitantes, sobretudo a bela Anna Petrovna, uma jovem viúva. E quando o xamã da aldeia é encontrado morto, a pequena cidade mergulha na suspeita e no terror”.

– In the Hand of Dante (A mão de dante ) – Nick Tosches

Uma obra-prima moderna. Muito superior a quase tudo publicado nos últimos 50 anos. Não vou me incomodar em tentar descrevê-lo. Basta ir buscá-la.

Infos do livro: “Nas profundezas de um subterrâneo, numa biblioteca do Vaticano é, pela primeira vez, em séculos, aberta uma porta; lá dentro, encontra-se algo de valor inestimável: o manuscrito de A Divina Comédia, escrito pela própria mão de Dante. O padre que encontra este tesouro leva-o para casa, na Sicília, onde se torna alvo de cobiça por parte de interesses mais mundanos. É assim que, em Nova Iorque, algumas semanas depois, Nick Tosches, um escritor com um toque de ladrão elegante, recebe um telefonema de um amigo. Existe um manuscrito que necessita que o escritor examine, a fim de ser autenticado. À medida que esta história se desenrola, desenvolve-se, paralelamente, um outro conto: a odisseia, setecentos anos antes, do próprio Dante Alighieri. A Mão de Dante é uma obra de uma audácia e beleza assombrosas, onde transparece a vasta erudição do autor, Nick Tosches, sobre a Idade Média. Alguns leitores poderão considerar este livro ofensivo. Outros considerarão transcendente. Porém, é certo que é um dos romances mais discutidos da década”.

-The Wilderness Warrior – Theodore Roosevelt e The Crusade for America –  Douglas Brinkley

Um facinante, imenso livro a respeito do intenso amor de Teddy Roosevelt pela natureza e como, durante sua presidência, ele essencialmente tornou-se um dos primeiros eco-guerreiros.

-The Ginger Man ( O homem gengibre ) – J.P. Donleavy

As aventuras de um incorrigível Sebastian Dangerfield. Rebelde, voluntarioso, e totalmente desonesto. Esta lírica, cômica maravilha foi me apresentada por Hunter. Todo homem deveria ler esse livro e gastar pelo menos uma noite de sua vida representando sem remorso este horror de um indivíduo!

-Fierce Invalids Home From Hot Climates ( Ferozes Inválidos de Volta dos Trópicos ) – Tom Robbins

Um conto chocantemente ótimo, que apenas Tom Robbins pode dar. Apenas alguns poucos escritores me fizeram rir em voz alta Robbins faz isso facilmente.

Infos do Livro: “Inteligência e humor à toda prova numa alucinante sucessão de aventuras. Tom Robbins exercita sua extraordinária verve em mais um romance exuberante. Aqui o protagonista é Switters, um agente da CIA com inconfessável queda por drogas e ninfetas. Apaixonado pela irmã adotiva adolescente, ele tem seus e-mails picantes interceptados pela avó, uma octagenária que adora computadores. A velha hacker não hesita em usar as mensagens para chantagear o próprio neto, obrigando-o a fazer-lhe um pequeno favor: aproveitar uma missão no Peru para soltar na Floresta Amazônica o papagaio de estimação da família…”

-The Master and Margarita (O mestre e a Margarida) – Mikhail Bulgakov

Esse sombrio, absurdo, e subversivo tesouro permaneceu escondido por vários anos, mesmo após a morte de Bulgakov , tanto era o medo de represália por tal pontualidade, autentica apunhalada na vida debaixo da tirânica malevolência de Uncle Joe e o clima soviético minguante da época.

Infos do livro: O Mestre e a Margarita  foi publicado pela primeira vez na revista Moskva, mais de vinte anos após a morte do autor — a primeira parte em Novembro de 1966 e a segunda em Janeiro do ano seguinte. Mikhail Bulgákov trabalhara nesta sua obra durante mais de dez anos, tendo escrito diferentes versões. A última foi ditada à sua companheira Elena Bulgákov, quando o autor se encontrava já muito doente, em Março de 1940. O romance é composto por duas narrativas ligadas entre si — uma passa-se na Moscovo dos anos 30 e a outra na Jerusalém antiga. As personagens são estranhas, complexas, ambíguas e algumas delas sobrenaturais, como Woland. As principais são o Mestre e a sua amante, Margarita. Como afirma Samuel Thomas, “o romance pulsa de maliciosa energia e invenção. Por vezes uma dura sátira da vida soviética, uma alegoria religiosa da dimensão do Fausto, de Goethe, e uma indomável fantasia burlesca, é uma obra de riso e terror, de liberdade e servidão — um romance que explode as verdades oficiais com a força de um carnaval descontrolado”.

*Não vou mentir. Eu li umas 3 páginas desse livro e fiquei estática. O livro é muito estranho e cheio de acontecimentos estranhos… Fiquei ainda mais curiosa para ler e só não continuei a leitura (ainda), por que, estava lendo outro livro e esse tem mais de 300 páginas, mas, me pareceu muito interessante…

-A Season in Hell ( Uma Temporada no Inferno ) e The Illuminations ( Iluminuras ) – Arthur Rimbaud e The Flowers of Evil ( As flores do mal ) – Charles

Possivelmente um dos mais divinos textos na história do mundo. Ao longo da minha v

ida, um dos mais confiáveis companheiros de bolso que não poderia imaginar.

Infos do livro ( temporada no Inferno ): “É o visceral relato em prosa poética do homem perscrutando as suas profundezas e origens. De uma riqueza imagética sem precedentes na literatura, os textos deste livro visitam sonhos e terras distantes, desejo de solidão e sede de conhecimento, o passado ancestral e a busca pelo desconhecido. Deles emerge o homem rebelde e aventureiro, vivendo – como dizia Verlaine a respeito de Rimbaud – a própria vida inimitável”.

Infos do livro ( As flores do Mal ): “As Flores do Mal reúnem de modo exemplar uma série de motivos da obra do poeta: a queda; a expulsão do paraíso; o amor; o erotismo; a decadência; a morte; o tempo; o exílio e o tédio. Pelas palavras de Paul Valéry “As Flores do Mal não contêm poemas nem lendas nem nada que tenha que ver com uma forma narrativa. Não há nelas nenhum discurso filosófico. A política está ausente por completo. As descrições, escassas, são sempre densas de significado. Mas no livro tudo é fascinação, música, sensualidade abstracta e poderosa”. “Neste livro atroz, pus todo o meu pensamento, todo o meu coração, toda a minha religião (travestida), todo o meu ódio”, escreveu Baudelaire sobre este livro numa carta”.

A baixo, mais algumas obras lidas e/ou possivelmente lidas pelo Johnny:

Drácula – Bran Stoker
2666 – Roberto Bolanõ
Vida – Keith Richards
O homem Magro – Dashiell Hammet
O Vermelho e o Negro – Stendhal
Histórias Extraordinárias – Edgar Allan Poe
Shantaram – Gregory David Roberts
The Art of Tim Burton – Não sei ao certo quem é o autor
Diários de Kerouac – Douglas Brinkley ( é possível que ele tenha lido por ser obra do Brinkley e falar do Kerouac).
Babylon Nigths e Loser´s town – Daniel Depp ( irmão do John)
Don Quixote de la Mancha – Miguel de Cervantes
O segundo sexo e possivelmente outros de Simone de Beauvoir
Só garotos – Patti Smith ( se ele ainda não leu, vai ler com certeza!) 

Bom… Acho que agora acabou de vez! 🙁

Com certeza esqueci algum título bem óbvio, mas tudo que eu pude buscar e lembrar esta aqui para vocês se deliciarem…

Queria só colocar uma coisa interessante sobre a leitura do John, que é o incrível interesse dele em títulos no qual o tema principal, ou a intriga envolve a religião. O livro O vermelho e o negro (que a Salete escreveu a respeito) mostra muito bem isso, além de vários outros títulos também mostrarem. Isso me deixa muito curiosa, até por que ele nunca falou se tem uma religião definida… Isso é realmente muito interessante…

“Talvez, se buscarmos no olhar dele algumas respostas relacionadas a isso, possamos encontrar” rs

Fechando esse incrível post que eu AMEI escrever, vejam  Johnny lendo Medo e Delírio em Las Vegas e um texto do Jack Kerouac. Um clip muito lindo por sinal.

———-
créditos a Liv pela tradução da lista “essenial por Johnny Depp” e ao site “estante virtual”.

http://www.youtube.com/watch?v=pdqeCSZynnU

8 thoughts on “O gosto pela leitura _ Parte 3

  1. Salete disse:

    Parabéns Karina! Essa Lista Essencial, comentada pelo próprio Johnny, está guardada a meses no meu pc.
    Só com os comentários dele já dá vontade de ir atrás dos livros.
    Esse e os outros dois post sobre esse assunto são documentários que terão que ficar bem guardados, por nós.
    bj

  2. Ninalee disse:

    Muito bom! Fechou a trilogia com chave de ouro. Será que terei tempo hábil para ler tudo isso ???? kkk
    Preciso me aposentar logo ! kkkk
    A lista comentada por ele é algo que devemos imprimir e colar na parede do quarto e ir ticando conforme lemos…kkk
    Valeu a pesquisa , Ka. Obrigada.

  3. E J O disse:

    É incrível como esse homem, que trabalha tanto, tem sempre tempo para ler, em qualquer lugar onde esteja. É uma das coisas que mais admiro nele. Vendo-o sempre com um livro nas mãos, interessado em tudo, querendo sempre aprender mais, enriquecendo-se culturalmente. Tenho orgulho de ser sua fã!

    Parabéns, Karina ! Belíssimo trabalho!

    b E i J O s

  4. ro disse:

    Simplesmente maravilhoso, Ká!
    Fechou com Chave de ouro [2]
    Vontade que dá de ler e entrar na mente do nosso ídolo.
    É culto demais, além de tudo.
    E esses vídeos!!!
    Parabéns pelo excelente trabalho de pesquisa!

  5. Clara disse:

    Amei, Karina!!! Além de saber mais sobre o Johnny através dos livros que ele leu, agora tenho uma enorme lista para me deliciar lendo!!! kkk
    Johnny é muito observador, inteligente e sensível, acho que ele busca a construção de uma filosofia própria, além de uma religiosidade!!! Adorei!!! E, Johnny é realmente demais!!!♥♥♥
    Beijos,
    Clara

  6. karina_aka disse:

    Valeu meninas!
    Fica ai uma vsta lista para nos entreter por um booooom tempo. rs

  7. jeeh disse:

    Está super de parabéns Ká. Como já disse anteriormente, antes de morrer lerei algum, aaaa lerei! :b

    Bjs!

  8. Ana disse:

    Sim, Johnny me devolveu o interesse pela leitura que estava adormecido! Logo começarei por algum deles ou por “Sombras da Noite – A vingança de Angelique” que estou com muita vontade de ler!!
    Os 3 posts são de cabeceira! rs..Parabéns! Bjs.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

«
»